10/05/2008

Rui Serra: Boa Pintura e Fazer

.
Cada Pintura testemunha uma acção e muitos tempos.
E, por causa dessas atitudes de construção, aí estão as dádivas: veículos entre o autor e o mundo.
Pressente-se que a obra resulta de uma aprendizagem demorada, de uma caminhada pelas etapas processuais e conceptuais da Pintura.
Pela frente Rothko, e depois velaturas sucessivas até à irredutível essência.
A Boa Pintura e o Fazer.

.
(Apenas palavras sobre a Pintura de Rui Serra na 111, Lisboa 2008)
I. Salt, 2008

No comments: